Michaelis Dicionário de Expressões Idiomáticas

Michaelis Dic de Expressões IdiomáticasA quem se destina o dicionário?

O dicionário destina-se a estudantes brasileiros de inglês bem como aqueles que lêem ou usam o inglês no seu ambiente de trabalho ou lazer. Estudantes e professores apreciarão a utilidade do dicionário especialmente quando estiverem trabalhando com textos autênticos em inglês, tais como revistas, jornais, novelas, letras de músicas, textos falados, programas de televisão, scripts de filmes e diálogos. Este dicionário tem a intenção de auxiliar aqueles que precisam de definições claras de expressões idiomáticas que eles possivelmente encontrarão na leitura ou ao ouvir falantes do inglês.

O que são expressões idiomáticas?

Expressões idiomáticas são parte do discurso cotidiano e tendem a dar um tom mais divertido e informal à nossa fala. Quando usamos palavras de maneira que o significado não pode ser inferido a partir dos seus elementos constituintes, nós estamos usando uma expressão idiomática. Por exemplo, quando dizemos, “my boss hit the roof”, podemos até conhecer as palavras “hit” e “roof”, mas isto não nos ajuda a entender o significado da expressão “hit the roof” (ficar muito zangado). Expressões idiomáticas podem vir em apenas uma palavra como “chicken” (covarde), “fox” (mulher atraente) ou “nut” (pessoa doida), ou em unidades lexicais maiores como “have a cow” (ficar furioso) ou “drive someone up the wall” (perturbar ou deixar alguém louco). Muitas expressões idiomáticas constituídas de apenas uma palavra podem ser encontradas em um bom dicionário bilíngüe, porém as expressões compostas de unidades lexicais maiores como “hit the roof”, “paint the town red”, “burn the midnight oil” e “make ends meet” geralmente não são encontradas em dicionários bilíngües. Este dicionário contém essas expressões idiomáticas maiores compostas de verbo e substantivo, que são geralmente difíceis de serem encontradas em um dicionário convencional.

Neste dicionário nós limitamos o conteúdo a fragmentos maiores de fala tais como expressões idiomáticas compostas de verbo e substantivo, ditados populares e símiles comuns. Este dicionário não inclui expressões idiomáticas compostas de apenas uma palavra ou phrasal verbs(veja o Michaelis dicionário de phrasal verbs: inglês-português para referências de phrasal verbs).

Como usar este dicionário?

Nós buscamos manter a organização do dicionário o mais simples e fácil-de-usar possível. Você encontrará as expressões idiomáticas organizadas por ordem alfabética da primeira palavra lexical da expressão. Na maioria dos casos ela será um verbo. Por exemplo, a expressão “hit the road” é encontrada a partir da palavra “hit”. As exceções são as expressões constituídas dos verbos be, get, have, make e take que encontram-se elencados de acordo com a palavra lexical seguinte na expressão, a qual pode ser um substantivo, adjetivo ou advérbio. Por exemplo, a expressão “have a cow” encontra-se listada sob o verbete “cow”. Nós fornecemos as variações comuns das expressões quando apropriado e as separamos dentro do cabeçalho de entrada. Por exemplo, a expressão “get one’s way” é registrada com as duas variações: get one’s way /get one’s own way. Para cada expressão idiomática há uma clara definição em português, e quando possível, a expressão equivalente em português brasileiro. Nós incluímos um exemplo de uso de cada expressão idiomática em inglês seguido da tradução em português. Todos os exemplos refletem o uso típico de falantes nativos de inglês.

Informações essenciais sobre a expressão idiomática são registradas em forma de abreviação:

Amer inglês americano

Brit inglês britânico

dit ditado

form formal

inf informal

pop popular

sim comparação (simile)

vulg vulgar

As expressões idiomáticas registradas como vulgar (vulg) devem ser usadas com cautela. Estas são expressões idiomáticas que podem ofender as pessoas e, portanto, devem ser usadas com bom senso. Nós as incluímos neste dicionário porque elas são uma parte da língua inglesa que não pode ser ignorada.

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta